quinta-feira, 25 de abril de 2013

Embalo no olhar as rosas que colhi...recolhi os espinhos para que os teus dedos sentissem apenas o aroma primaveril das pétalas...procuro o teu olhar...não o encontro...existe um mar que o leva em águas ténues...

Sem comentários:

Enviar um comentário