segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

A vida são dias que passam e ficam nas páginas do silêncio em memória etéreas que se gravam em pergaminhos do tempo…esse tempo que nunca se apaga nem se cansa de nada!

sábado, 28 de dezembro de 2013

É interessante como a memória por vezes nos traí no esquecimento; outras vezes, o esquecimento é reconfortante...
Entre suspiros deixo o rosto vestir o sorriso... a recordação que a memória trará no vento de cada sentir...

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Deixei os rascunhos na porta ao lado...agora sem letras ou palavras desordenadas, aconchego as horas apenas ao silêncio, onde o sabor se ilumina, numa caminhada sem verbos...de olhos abertos na alma espero a curva que se adivinha, numa estrada sem atalhos...

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Perto da existência morrem os sonhos quando dentro do âmago não libertamos a vontade...

domingo, 22 de dezembro de 2013

Não tenho medo das lágrimas...mas sim do peso que os olhos carregam quando se afundam em secos momentos!

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013


A fragilidade é uma transparência que corre no cerne...como a água contorna os obstáculos rumo ao mar onde se reconforta...

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Vagueio pelo incerto com o coração em busca do horizonte onde o arco-íris se desenha...na certeza que o incerto é a verdade onde caminhamos com mais vigor...

domingo, 15 de dezembro de 2013

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Carinho e afetos; não se esqueçam de terem as mãos abertas para o receberem...
 
Preciso sempre desse olhar...do porto de abrigo onde me reconforto...
Quero apenas que seja hoje sem amanhã...esquecer as horas que faltam e caminhar num hoje meu...tão meu que apenas o imagino assim antes do depois...
Lá fora o vento corre na ausencia...as cores fogem no céu esbranquiçado que já não chora...o horizonte canta para afugentar os medos que as sombras cobrem...na voz deixo cair o silêncio onde embalo os sons da renovação...
 
Há emoções que falam tão alto, que o silêncio é o único que faz sentido, no meio do imenso brilho a vestir o melhor sorriso!

terça-feira, 10 de dezembro de 2013