terça-feira, 23 de abril de 2013

Nasceu dentro do meu peito como se do ventre brotasse...um cordão em pedaços amordaça os meus lábios onde o silêncio me escapa em cristais de sal dentro do olhar distante e nu...

Sem comentários:

Enviar um comentário