terça-feira, 13 de agosto de 2013

Vivemos aprisionados em ilusões de liberdade. Construímos grades no íntimo e começamos apenas a ver uma só imagem em tudo. Tudo aquilo que atingimos é o quadrado onde estamos fechados...perdemos as verdadeiras formas do horizonte que se transforma a todo o instante...
 

Sem comentários:

Enviar um comentário