sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Lá fora o vento corre na ausencia...as cores fogem no céu esbranquiçado que já não chora...o horizonte canta para afugentar os medos que as sombras cobrem...na voz deixo cair o silêncio onde embalo os sons da renovação...
 

Sem comentários:

Enviar um comentário