quarta-feira, 22 de junho de 2016

Vivo com o coração a ditar todas as palavras ao pensamento de onde nascem as correntes por onde voo e sonho a vida que sou...e nem todos a entendem!

Sem comentários:

Enviar um comentário