quarta-feira, 12 de abril de 2017

...e que sou eu, senão a voz por de traz das vossas palavras em frente do vosso olhar...com o coração aberto e os sentimentos libertos em alguns versos da minha mania, em ter palavras repletas de emoções em muitas alegrias!

Sem comentários:

Enviar um comentário