quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Envolvo a distância na proximidade que me grita em silêncio, busco no escuro a luz do olhar que se afasta no ruído difuso dos dias...

Ana Coelho

Sem comentários:

Enviar um comentário