domingo, 24 de maio de 2015

Há interrogações que não encontram respostas...há respostas que se abrem pelas interpretações...há um espaço onde as palavras não dizem nada, é o silêncio que abre o pensamento, por vezes deixando as interrogações que não acrescentam nada às resposta onde se vive...

Sem comentários:

Enviar um comentário