quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Em busca do dia preencho as horas com o silêncio da noite num abraço quente e demorado onde tudo é mais límpido e transparente...

Sem comentários:

Enviar um comentário