terça-feira, 28 de setembro de 2010

Quando olho um rosto é como se me contempla-se num espelho, esqueço-me que por detrás desse rosto está uma outra forma de vida...

Ana Coelho

Sem comentários:

Enviar um comentário