sexta-feira, 22 de abril de 2011

Os pedaços que partem, outros que ficam, pedaços da era com a história de um dia que mora nos dias que ficam, partem e renascem em cada chegada da madrugada oculta na mente que sente e sente com vida...

Sem comentários:

Enviar um comentário