sábado, 9 de agosto de 2014


Perguntaram-me, porque escreves tanto?

Pelo prazer de viver várias vidas e com a vantagem de ser fácil livrar-me das personagens maldosas…também as consigo ensinar durante o percurso como personagens…era isso que ambicionava para a vida…como é utopia, crio vidas melhores mesmo ficcionadas dão-me liberdade!

 

 

 

Sem comentários:

Enviar um comentário