quinta-feira, 22 de março de 2012


Entreguem-me silêncios a sorrir e palavras sem eco...receberei na minha mudez em aconchego no épico sentido do meu império!

Sem comentários:

Enviar um comentário