segunda-feira, 14 de maio de 2012

As palavras encontram-se e desencontram-se em novas formas todas os dia...das palavras nascem os afectos os gestos e todo o resto...que seria da vida sem palavras...as que respondem, questionam...alegram e sorriem...e nos poetas a palavra é "amante" presente sempre, onde nasce tudo e nada num mundo de plenitude de palavras cruzadas...
Nunca se esqueçam da palavra certa...não a deixem por dizer...depois é incerto e a palavra pode já não estar na ponta certa!

Sem comentários:

Enviar um comentário