terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Revestidos na serenidade de uma suave brisa continuaremos a caminhar... como pétalas a dançarem ao vento até alcançar o sonho... onde a renovação é a comunhão daqueles que vivem e sonham em paralelos... sem distâncias nem fatuidades!

Sem comentários:

Enviar um comentário