quarta-feira, 8 de abril de 2015

Há um emaranhado de palavras dispersas e somente o silêncio me abraça em verdade...

Sem comentários:

Enviar um comentário