domingo, 8 de maio de 2011

Diz-se que o amor é cego mas na verdade é o único que tudo vê na claridade de um âmago leve...

Sem comentários:

Enviar um comentário