domingo, 17 de junho de 2012

Estarei tão longe de tudo...onde perto é o meu estar...os sentidos descodificam-se em cada penumbra onde me esqueço de baloiçar...

Sem comentários:

Enviar um comentário