segunda-feira, 11 de junho de 2012


Tenho saudades do tempo que ainda não vivi mas que os sonhos conhecem de cor numa tonalidade breve e suave onde o aconchego é o tempo tão nosso!

Sem comentários:

Enviar um comentário