segunda-feira, 25 de junho de 2012

Se por vezes me perco...outras encontro-me nos desencontros das distâncias perto do olhar...nada vejo nada sinto...apenas vagueio nos passos da lua...nos solavancos vazios do ar que inspiro!

Sem comentários:

Enviar um comentário