terça-feira, 14 de maio de 2013


Quando o sol deixa de brilhar e o adeus se faz inevitável desaparece  em pedaço de nós...por muito que creiamos na esperança de um novo dia...os dias são longos e faltam os sorrisos abertos ao luar de uma ausência que nos faz falta...os dias que seriam de sossego e ventura são longos e espinhosos....

Sem comentários:

Enviar um comentário