sexta-feira, 5 de junho de 2015

Olhar a linha do horizonte e focar o olhar no infinito mostra-nos a longevidade de tudo e os nadas ficam mais perto do sentir...abrem-se nuances claras e transparentes dentro da balança que a consciência vê e leva dentro de cada momento!

Sem comentários:

Enviar um comentário