sábado, 13 de junho de 2015

Quando já não houver sonhos em mim serei a passagem que deixei...enquanto o meu respirar se ouvir haverá sempre um novo sonho...mesmo no meio de escombros!

Sem comentários:

Enviar um comentário