sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Poderemos dizer mil palavras...escrever mil versos rimados...mas só poderemos sentir poesia na vida com a vida a sentir a poesia...na alma que o poeta liberta sem alfabetos ordenados por métricas da regra ao quadrado.

Sem comentários:

Enviar um comentário