sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Afunda-te nos meus olhos, sentirás as motivações que pulsam no coração...ou nunca entenderás a imensidão que vibra na razão de tanto pensar!

Sem comentários:

Enviar um comentário