quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

O tempo passa e não perdoa as esperas...mais importante que esperar é avançar mesmo com o coração a lampejar inquietudes...

Sem comentários:

Enviar um comentário