terça-feira, 22 de novembro de 2011

O Outono vestido de frio num dia onde as gotas são a fonte caída do céu...o vento conta os contos em segredos que o tacto sente na varanda aberta ao sol escondido na penumbra, mas radioso no âmago, onde o calar é falar com mil palavras!

Sem comentários:

Enviar um comentário