quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Entre o magnifico e o belo perco o olhar...submeto o pensamento ao tempo...somente para voltar a ver se há ou não magnitude ou beleza...no sentir que assim diz...

Sem comentários:

Enviar um comentário